Trabalhadores

O Partido Comunista Português saúda os trabalhadores da Sumol+Compal

Imprimir
Criado em quarta, 06 junho 2018, 18:52

Sumolcompal 002

O Partido Comunista Português saúda os trabalhadores da Sumol+Compal que hoje, dia 6 de Junho, realizaram, com grande êxito, uma importante jornada de luta com uma greve que paralisou a unidade de produção de Pombal e uma manifestação nas ruas daquela cidade em que participaram cerca de uma centena de trabalhadores.
 
Uma delegação da Direcção da Organização Regional de Leiria do PCP composta por: Ângelo Alves, membro da Comissão Política do Comité Central do PCP e responsável pela Organização Regional de Leiria; Filipe Rodrigues, membro do Comité Central e do Secretariado da DORLEI do PCP e Fernando Domingues, membro do Executivo da DORLEI e da Comissão Concelhia de Pombal do PCP, esteve presente na jornada de luta, tendo expressado a solidariedade e apoio ao trabalhadores e confirmado a justeza da sua luta pelo aumento dos salários, a melhoria das condições de trabalho, o combate à precariedade e à desregulação dos horários de trabalho.
 
Valorizando as recentes vitórias da luta destes trabalhadores, o PCP considera que a Sumol-Compal tem todas as condições económicas e financeiras para garantir uma mais justa distribuição da riqueza criada naquela empresa, nomeadamente por via do aumento dos salários e da diminuição dos horários de trabalho para as 35h semanais, para todos os trabalhadores.
 
A luta dos trabalhadores da Sumol-Compal deve ter uma resposta não só da Administração, mas também do Governo PS que, invertendo as suas recentes decisões de convergência com o patronato, a UGT e o PSD, deve tomar medidas efectivas de combate à precariedade e de respeito pelos direitos laborais dos trabalhadores.
 
Saudando a unidade, firmeza e determinação que os trabalhadores da Sumol-Compal têm demonstrado nas lutas que vêm travando e que vão continuar a travar, o PCP comprometeu-se nos contactos realizados com os trabalhadores em luta e os seus representantes, a tudo fazer para que os direitos a um salário digno, ao fim da discriminação salarial, a vínculos laborais estáveis e a um horário de trabalho que permita o descanso e a atenção à família, sejam reconhecidos e efectivados.
 
2018 Organização Regional de Leiria do PCP | www.pcp.pt | Joomla Templates Free.