Comissões Concelhias

Comissão Concelhia de Pombal apela a luta contra encerramento de Balcão da CGD

Imprimir
Criado em segunda, 25 junho 2018, 14:28

 

 

CGD Lourical Pombal

A Comissão Concelhia de Pombal do Partido Comunista Português manifesta a sua profunda indignação face ao anunciado encerramento da agência da Caixa Geral de Depósitos (CGD) no Louriçal. Saúda a luta desenvolvida pela população contra o fecho deste importante serviço público e apela para que, quer a Câmara Municipal, quer a Junta de freguesia continuem a fazer todos os esforços para contrariar esta intenção. Este encerramento a verificar-se, prejudicará gravemente os habitantes da freguesia do Louriçal, mas também a população das zonas envolventes à freguesia. O Encerramento afectará os trabalhadores e milhares de pessoas, sobretudo as pessoas mais idosas, com menos mobilidade, como os reformados que usam o banco público como meio para receber as suas pensões de reforma.
 
O PCP há muito que luta contra o encerramento e a degradação dos serviços públicos no concelho de Pombal, como foi o caso: do encerramento de estações dos CTT e a perda de qualidade do serviço postal, do encerramento e a falta de meios dos Centros de Saúde ou a supressão de comboios na Linha do Oeste. Desde sempre exigiu a melhoria dos serviços públicos no concelho como elemento fundamental a melhoria das condições de vida da população e para combater a crescente desertificação humana que se verifica no concelho. 
 
Neste sentido manifesta total solidariedade para com a população do Louriçal. Numa pergunta ao Governo entregue na Assembleia da República, o PCP solicitou esclarecimentos sobre as agências listadas para uma nova vaga de encerramentos, qual a avaliação que o Governo faz dessa intenção da administração, quantos clientes serão afetados, quantos trabalhadores serão afetados e em que moldes.
 
O PCP lamenta também o acordo entre o Governo do PS, a administração da CGD liderada por Paulo Macedo (anterior ministro da saúde do governo do PSD/CDS) e a Comissão Europeia relativas ao encerramento de agências do banco público português, considera que, no actual contexto político e económico do País, é fundamental definir uma estratégia de reforço da capacidade de intervenção do banco público, a Caixa Geral de Depósitos, no apoio à economia nacional e às famílias portuguesas e não a sua desvalorização e redução da sua actividade, como tem vindo a acontecer com o fecho de agências, venda de importantes activos e a redução do número de trabalhadores. Neste sentido a opção do Sr. Presidente da Câmara Municipal, Diogo Mateus, de retirar sete milhões de euros da CGD em nada contribui para a defesa do banco público, mas sim para a sua descapitalização e paulatina destruição.
 
O PCP afirma que continuará a lutar contra a destruição da CGD levada a cabo pelo Governo do PS e a actual administração composta por antigos ministros do governo do PSD/CDS e apela para a população de Pombal, mais concretamente da freguesia do Louriçal e lugares envolventes, afectadas por este encerramento, que continuem a manifestar o seu descontentamento e a lutar contra o anunciado encerramento da agência da CGD no Louriçal.
 
A Comissão Concelhia de Pombal do PCP
24 de Junho de 2018
2018 Organização Regional de Leiria do PCP | www.pcp.pt | Joomla Templates Free.